Notícias

Imprensa nordestina repercute morte do cantor Louro Santos, vítima da Covid-19

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Pandemia

A imprensa de todo Nordeste repercutiu a morte na noite deste domingo (22), do cantor e compositor Louro Santos, de 49 anos. Ele estava internado há 15 dias em um hospital particular na Ilha do Leite, no Centro do Recife, e segundo a família, ele faleceu de Covid-19.

O óbito, de acordo com familiares, ocorreu por volta das 21h30. Devido aos protocolos sanitários, não haverá velório. O enterro deve ocorrer nesta segunda-feira (23).

Louro Santos era compositor de forrós românticos e havia feito parte de bandas como Aveloz, Arretados do Forró e Forró da Malagueta. Suas músicas foram interpretadas por bandas e artistas como Calcinha Preta, Joelma e Saia Rodada.

Ao lado de Victor Santos, um de seus três filhos, cantou sucessos como as músicas Retrato e Virou Minha Cabeça. Em julho de 2020, pai e filho haviam feito uma live na internet com sucessos da carreira.