Notícias

Morre de Covid o deputado Sílvio Fávero, autor de lei contra a obrigatoriedade da vacina

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O deputado estadual Silvio Fávero (PSL), de 54 anos, morreu neste sábado (13) internado com Covid-19 em um hospital particular, em Cuiabá. 

Ele estava internado desde o dia 4 de março e intubado com Covid-19 uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

De acordo com os médicos do deputado, neste sábado Fávero teve complicações e infecções causadas pela Covid-19 e a situação dele era considerada ‘crítica’. 

Em nota, a família do deputado agradeceu por todas as orações e manifestações positivas. 

Fávero deixa a mulher Katia e três filhos: Gabriel, Gustavo e João Ricardo. 

“Deus receba em paz nosso grande guerreiro, que bravamente lutou pela vida e hoje, com muita fé em Deus, segue aos braços do Pai Maior”, disse a família. 

O corpo deve ser enterrado em Lucas do Rio Verde, a 360 km de Cuiabá. 

Fávero era autor de um projeto que tramita na Assembleia Legislativa contra a obrigatoriedade da vacina contra a Covid.Segundo ele, o cidadão tem o direito de escolher se vai vacinar ou não. 

Já sobre os menores de idades, o projeto diz que os pais ou responsáveis poderão escolher pela vacinação ou não das crianças e adolescentes menores de 14 anos. 

“[O projeto] visa evitar que a vacinação seja compulsória, eis que, atualmente, subsiste insegurança quanto à eficácia e eventuais efeitos colaterais das vacinas, onde apresentam um risco que, sem dúvida alguma, é irreparável, já que os efeitos a curto, médio e longo prazo da vacina são desconhecidos”, justifica.

Crédito imagem: Reprodução

News Paraíba com G1