Notícias

“Não tem mágica, é continuidade”, diz novo ministro da Saúde

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e o indicado para substituí-lo, Marcelo Queiroga, reforçaram que haverá continuidade das políticas na gestão do ministério no enfrentamento à pandemia de covid-19. “Não podemos perder nem um minuto”, disse Pazuello sobre as ações de combate à doença. A entrevista será exibida no Jornal da Record nesta noite.

Nesta quarta-feira (17), ambos estarão no Rio de Janeiro para o evento que marcará a distribuição das primeiras vacinas de Oxford fabricadas pela Fiocruz.

R7