Notícias

Pastora Paraíbana é acusada de pedir oferta em Pix com valor por idade dos fiéis

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A pastora Renallida Carvalho está envolvida em uma nova polêmica. Ela está sendo acusada de pedir ofertas via Pix com o valor por idade dos fiéis presentes na live que ela realizou. A pastora já foi envolvida em outra polêmica sobre Pix, sendo acusada por um pastor de ser “estelionatária da fé”.
Ela também passou por outra polêmica nos últimos dias ao abrir uma igreja em Cabedelo, região metropolitana de João Pessoa, a qual foi interditada no dia da inauguração, por riscos na estrutura e descumprimento de outras regras, como a dos protocolos contra o coronavírus.

Na live sobre o Pix, Renallida convocou os fiéis para o voto da idade e alfinetou quem costuma não acreditar. “Você tá aí na live, você vai fazer esse voto comigo. ‘Ah, eu não creio. Eu não preciso disso.’ Sai da live, meu amor. Pra quê tá na live? Eu não tô botando arma na tua cabeça, nem tô te obrigando a nada.”

Em seguida, a pastora fez o pedido do Pix no valor da idade de cada um. “Tem um Pix, tem outro Pix aí salvo. E agora você vai colocar diante de Deus. ‘Senhor, eu tenho 18 anos, eu vou botar 18. Eu tenho 40, vou colocar 40.’ Você vai fazer o propósito do voto da sua idade. Quero ver todo mundo aí agora determinando.”

A pastora Renallida é apontada por ostentar roupas de grife e outros bens de consumo e estaria, segundo internautas, usando um look da marca italiana Gucci durante a live do Pix por idade, roupa essa avaliada extraoficialmente em R$ 20 mil.

Na outra situação em que foi acusada de pedir Pix para orações e para reservar assentos na igreja, Renallida acionou advogados para processar o pastor que a acusou e negou as acusações. Ela ainda não se pronunciou sobre a nova polêmica.