A sua fonte segura de informação!

Notícias

Deputado federal paraibano confirma intenção e negociação por mais cargos no governo Bolsonaro

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

 

O deputado federal paraibano Wellington Roberto, líder do Partido Liberal na Câmara, confirmou que o PL está lutando para obter mais cargos no governo do presidente Jair Bolsonaro e, pessoalmente, entende que o partido deve ser consultado em escolhas que serão processadas. A opinião de Wellington reflete o sentimento dominante no partido desde que Bolsonaro assinou ficha de filiação, após uma longa temporada sem partido, no vácuo de seu desligamento do PSL. O PL é controlado por Valdemar Costa Neto, condenado e preso no mensalão, e trabalha para se consolidar como a maior bancada da Câmara a partir de março, quando deputados poderão mudar de sigla sem perder o mandato.

O deputado Wellington Roberto disse que considera naturais as pressões e movimentações dentro da base governista para a ocupação de espaços e avalia que não haverá impasse capaz de prejudicar a relação de entrosamento que tem sido mantida. Esta é, também, a opinião do vice-líder do governo na Câmara, deputado Evair de Melo (Progressistas-ES). Ele afirmou ao “Estadão” que as cúpulas do PL, do Progressistas e do Republicanos, tripé de apoio à reeleição de Bolsonaro, têm participado das negociações para a reforma ministerial do fim de março. E assegurou: “Não vai ter ruptura. Naturalmente, pode ter um caso ou outro que tenha que fazer acomodação, mas não tem nada de surreal. Valdemar Costa Neto, Ciro Nogueira (ministro da Casa Civil) e Marcos Pereira (presidente do Republicanos) serão ouvidos. Dos 12 nomes que podem sair, acho que uns oito saem de fato. Se puder subir o secretário executivo, sobe”, prognosticou ele. A expectativa é grande.