A sua fonte segura de informação!

Notícias

Programação especial marca aniversário de 37 anos do Teatro ICA, em Cajazeiras

Localizado no município de Cajazeiras, o Teatro Íracles Brocos Pires (ICA) está completando 37 anos de existência. Para comemorar a data, o Governo da Paraíba, por meio da Fundação Espaço Cultural (Funesc), preparou uma programação especial de aniversário. As atividades têm início nesta terça-feira (25) e se estendem até a próxima quinta-feira (27), com apresentações de espetáculos de teatro, saraus, oficinas e rodas de conversa.

O presidente da Funesc, Pedro Santos, destaca que a diversidade da programação reflete a produção artística da cidade de Cajazeiras. “Com o apoio do Sebrae, do Centro Cultural Banco do Nordeste, além do Instituto Federal da Paraíba em Cajazeiras e da Universidade Federal de Campina Grande, estamos promovendo um momento de celebração da produção cultural local e a possibilidade de troca de experiências entre artistas e produtores paraibanos”, explicou.

A cerimônia de abertura acontece nesta terça-feira, a partir das 19h, na área externa do teatro. Em seguida, a atriz Dudha Moreira (João Pessoa/PB) sobe ao palco apresentando o espetáculo ‘Outubros’. Na Praça Atriz Lacy Nogueira, será realizado o sarau Sertões Possíveis, com Suzy Lopes, Léo Palma e o grupo Osfodidario.

Na quarta e quinta-feira, às 8h30, a consultora do Sebrae Priscilla Araújo (Patos/PB) ministra a oficina “Cultura e personalidade empreendedora”, aberta ao público em geral. Nos mesmos dias, sempre às 14h, o ator e diretor João Paulo Soares (João Pessoa/PB) ministra a oficina “Interpretando Monólogos”.

Ainda na quarta-feira (26), às 10h haverá a roda de diálogo “Sertões possíveis: do estereótipo do flagelo à produção de novos sentidos”, com a escritora e cineasta Veruza Guedes, as atrizes Suzy Lopes e Dudha Moreira, o ator Léo Palma e o cineasta e produtor cultural Laércio Filho. A mediação será feita pelo gerente de artes visuais da Funesc, Edilson Parra. À noite, a programação conta com o espetáculo “Senhora Moon: as quatro fases de uma mulher’, com a atriz Girlane Ferreira (Cajazeiras/PB) e o sarau Poesia de Quarta, realizado em parceria com o Instituto Federal da Paraíba (IFPB) e a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).

Na quinta-feira (27), além das oficinas, acontece a roda de diálogo “Circula Sertão: experiências de roteiros de circulação artística no sertão da Paraíba’, com participação de Ana Neiry (ONG Pisada do Sertão), Francisco Hernandes (ACATE) e Milton Dornellas (Secult-PB). A mediação é de Pedro Santos (Funesc). À noite, a partir das 20h, o ator Sidney Malveira (Fortaleza/CE), sobe ao palco com o espetáculo “Annonimos”. Em seguida, na Praça Atriz Lacy Nogueira, acontece o encerramento da programação com o sarau Feminino Sertão, que tem participações de Alhandra Campos, Hortência Fernandes, Veruza Guedes e Vitória Sanz (Cajazeiras/PB).

Sobre o ICA – O teatro Íracles Pires (ICA), em Cajazeiras, é o primeiro do Sertão da Paraíba, inaugurado em 26 de janeiro de 1985. É o maior teatro do interior do Estado (área de 965,70m²) com capacidade de público de 280 lugares, além de equipamentos modernos e acessibilidade. O local possui um painel assinado pela artista Thaynha e uma tela do artista plástico e escultor Wilson Figueiredo que retrata Íracles Pires, personalidade histórica na cena teatral.

Sinopses

Oficina Cultura x personalidade empreendedora, com Priscilla Araújo (Patos/PB) – No primeiro dia o programa abordará os temas: modelos mentais e criatividade; desenvolvimento de comportamentos empreendedores; percepção: do que acontece e o que realmente vemos. No segundo dia, a ministrante apresentará o tema ‘Você como um diferencial competitivo’: zona de conforto; modelagem empreendedora; análise de swot pessoal; perfil comportamental.

Priscilla Araújo é economista, mestra em gestão de sistemas, credenciada Sebrae nas áreas de empreendedorismo, planejamento Empresarial e Marketing. Founder da Inovar Consultoria e projetos, possui mais de 30 mil horas de consultoria nos segmentos de comércio, serviços e indústria.

Oficina Interpretando Monólogos, com João Paulo Soares (João Pessoa/PB) – A oficina propõe a elaboração e construção de cenas individuais, sob a supervisão e coordenação do ministrante. Cada participante escolhe um texto que vai ser orientado e dirigido pelo professor. Ao final do curso, cada aluno ou aluna apresentará sua cena individual de, no máximo, quatro minutos.

João Paulo Soares é natural de Fortaleza (CE) e formado como ator pela Faculdade da Cidade. Em Londres, estudou no Greenhill College e no Stanmore College, se dedicou ao estudo do cinema de Bergman. É integrante do Grupo Piollin e professor no Cearte, em João Pessoa. Dirigiu os espetáculos “O Reino de Ariano”, “Razão pra Ficar”, “503”, “Outubros’ e “André ou receita para se fazer um Monstro”. Responde pela preparação de elenco do filme “A Ética das Hienas” de Rodolpho Barros. É protagonista do filme “Aluísio, o silêncio e o mar”, direção de Luiz Carlos Vasconcelos.

Espetáculo ‘Outubros’, com Dudha Moreira (João Pessoa/PB) – Em tempos em que o amor romântico e para sempre já não é tão comum, ‘Outubros’ é uma história de amor que ultrapassa a vida. O monólogo de Dudha Moreira é inspirado diário de sua mãe, Maria de Lourdes Gonçalves, que começou a escrever grávida após a morte de Assis, seu amor e pai de seus oito filhos. Dona Lurdinha morreu em 2017, e em luto de sua mãe, a atriz Dudha Moreira vive no palco sob a direção João Paulo Soares, a narrativa do amor de seus pais.

Espetáculo ‘A Senhora Moon – As quatro fases da mulher’, com Girlene Ferreira (Cajazeiras/PB) – Texto e direção de Vando Farias. Uma mulher de mais de mil anos! Senhora Moon é um texto sobre uma mulher que atravessou muito mais que oito primaveras ou tantos outros invernos. Perpassou o tempo sendo testemunha das mudanças de humor trazidas pelo Vento, executadas com o Tempo. Uma mulher que, para superar a fome, enfrentou a situação de pobreza e miséria a qualquer era submetida, voou com o pássaro do Pai até o céu, engoliu a Lua e tornou-se, ela própria. A personificação da Grande Avó. A grande ancestral. A grande anciã. Um Mito-Rito sobre a Finitude das coisas e a eternidade das mulheres.

Espetáculo Annonimos, com Sidney Malveira (Fortaleza/CE) – O monólogo mostra um dia como outro qualquer em um lar de idosos, onde os moradores esperam ansiosamente pela visita de seus familiares, parentes, amigos ou de qualquer pessoa que se disponibilize a ouvir suas histórias, alegrias, tristezas e sonhos que se renovam a cada amanhecer. A peça é fundamentada numa premissa de que os idosos são sábios que habitam corpos frágeis. Talvez por isso muitas pessoas não enxerguem tal preciosidade e facilmente se desvencilham deles, da mesma forma que se livram de objetos usados, aparentemente sem utilidade. O espetáculo proporciona a troca de experiências e a conscientização do espectador no cuidado com os idosos.

Teatro Íracles Pires – 37 anos
Programação de aniversário – 25, 26 e 27 de janeiro
Cajazeiras, Sertão

25/01 – terça-feira
19h – Área externa
Cerimônia de abertura e entrega de honrarias

20h – teatro
Espetáculo Outubros, com Dudha Moreira (João Pessoa/PB)

21h – Praça Atriz Lacy Nogueira
Sarau Sertões Possíveis, com Funesc e Grupo Osfodidario (João Pessoa/PB)

26/01 – quarta-feira
8h30 – Teatro
Oficina Cultura x personalidade empreendedora, com Priscilla Araújo (Patos/PB)

10h – Teatro
Roda de Diálogo “Sertões possíveis: do estereótipo do flagelo à produção de novos sentidos”
Com: Veruza Guedes (cineasta e escritora), Suzy Lopes (atriz), Dudha Moreira (atriz), Léo Palma (ator), Laércio Filho (produtor cultural)
Mediação: Edilson Parra (artista visual)

14h – Sala de Dança
Oficina Interpretando Monólogos, com João Paulo Soares (João Pessoa/PB)

20h – Teatro
Espetáculo ‘Senhora Moon – As quatro fases da mulher’, com Girlene Ferreira (Cajazeiras/PB)

21h – Praça Atriz Lacy Nogueira
Sarau Poesia de Quarta, com grupos da UFCG E IFPB (Cajazeiras/PB)

27/01 – quinta-feira
8h30 – Teatro
Oficina Cultura x personalidade empreendedora, com Priscilla Araújo (Patos/PB)

10h – Teatro
Roda de diálogo ‘Circula Sertão: experiências de roteiros de circulação artística no sertão da Paraíba
Com: Ana Neiry (ONG Pisada do Sertão), Milton Dornellas (Secult-PB), Francisco Ernandes (ACATE)
Mediação: Pedro Santos (Funesc)

14h – Sala de Dança
Oficina Interpretando Monólogos, com João Paulo Soares (João Pessoa/PB)

20h – Teatro
Espetáculo ‘Annonimos’
Sidney Malveira (Fortaleza/CE)

21h – Praça Atriz Lacy Nogueira
Sarau Feminino Sertão, com Alhandra Campos, Hortência Fernandes, Veruza Guedes e Vitória Sanz (Cajazeiras/PB)