A sua fonte segura de informação!

Notícias

Ex-senador Garibaldi afirma apreço por uma terceira via e desgosto com os nomes de Lula e Bolsonaro para presidente

O ex-senador e ex-governador Garibaldi Alves Filho, presidente de honra do MDB no Rio Grande do Norte, defendeu nesta terça-feira (15) uma “terceira via” para as eleições presidenciais de outubro.

Em entrevista à TV Ponta Negra, Garibaldi disse que gostaria de ver eleito um presidente que fosse alternativa ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e ao presidente Jair Bolsonaro (PL), líderes das pesquisas até agora.

A declaração de Garibaldi acontece no momento em que o MDB dialoga com o PT em vários estados para construir palanques para as eleições de 2022. O próprio ex-presidente Lula esteve no Rio Grande do Norte em agosto para uma conversa com Garibaldi e o filho dele, o deputado federal Walter Alves, para cortejar o apoio deles. Na ocasião, Lula defendeu que o MDB e o PT estejam juntos na eleição do RN.

Durante a entrevista, Garibaldi Filho confirmou que será candidato a deputado federal nas próximas eleições e admitiu que a família Alves está dividida politicamente, mas que isso não será obstáculo para a eleição. Ele citou que ele e os primos Henrique Alves, ex-ministro, e Carlos Eduardo, ex-prefeito de Natal, podem estar em caminhos diferentes na próxima eleição.

Durante a entrevista, Garibaldi não falou sobre a costura das chapas majoritárias para disputar as eleições de 2022 no RN. O MDB dialoga tanto com a governadora Fátima Bezerra (PT) quanto com a oposição antes de decidir em quais chapas estará nas disputas para Governo do Estado e Senado.