A sua fonte segura de informação!

Notícias

PREFEITA POTIGUAR É ACUSADA DE FAZER DEPÓSITO FALSO EM OFERTORIO NA MISSA

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Um vídeo mostrando um possível “depósito falso” da prefeita de Paraú Maria Olimpía (PP) em uma missa durante o ofertório circulou nas redes sociais no último final de semana. Segundo o Assú Notícias, a situação tomou repercussão nas ruas da cidade. A gestora negou as acusações.
Após a repercussão do caso, tanto a gestora da cidade, quanto a prefeitura e a própria paróquia emitiram notas de esclarecimento.
De acordo com o comunicado publicado nas redes sociais, a prefeita viu a situação com tristeza, pois o vídeo estaria sendo veiculado de forma “distorcida e de má fé, com o objetivo de deturpar a sua imagem”.

Em apoio a Maria Olímpia, a prefeitura divulgou o seguinte comunicado em suas redes sociais: “A excelentíssima senhora Maria Olímpia, Prefeita do Município de PARAÚ, vem por meio deste externar toda sua tristeza com um vídeo que está sendo exibido de forma distorcida e de má fé, com o objetivo de deturpar sua imagem. No vídeo, que circula na página ASSU NOTÍCIAS, é possível ver o momento em que a senhora Maria Olímpia de forma discreta e humilde deposita sua oferta, sem chamar atenção ou dar ênfase a esse ato. Como a sagrada escritura diz no livro de Mateus 6, 1-6. 16-18 ‘Quando deres esmola, que a tua mão esquerda não saiba o que faz a tua mão direita’. ‘É muito triste ver que as pessoas não estão respeitando nem os templos religiosos, um lugar sagrado onde o que se espera é exemplos de fraternidade, cumplicidade e amor ao próximo como pregou o senhor’. Esperamos que a Pascom e a Diocese se manifestem e busquem a origem de fatos como estes, que difamam a nossa igreja. Aos cristãos, o ato do ofertório é simbólico e mais do que dinheiro no ofertório, ofertamos a nós mesmos, nossa vida, alegrias e sofrimentos, para nos ‘esvaziar totalmente’ e, assim, na comunhão podemos receber Cristo que se oferece totalmente para nós!”.

A Paróquia também se pronunciou afirmando que repudia qualquer tipo de “fake news” veiculada. “A Pascom vem através dessa nota informar que oferta é algo que se dá além do dízimo, é uma entrega sem compromisso que o fiel pode fazer em qualquer igreja ou obra caritativa, sem necessariamente ter uma periodicidade definida. Além da contribuição financeira, ela também pode ser feita de forma espiritual. Dessa forma, repudiamos qualquer tipo de fake news e esclarecemos que no vídeo divulgado é perceptível que a oferta foi feita. Ademais, pedimos desculpas pelas imagens divulgadas pela pascom e garantimos que este ato não ocorrerá novamente. Diante do exposto, pedimos que a página @assunoticia exclua o vídeo de imediato. E informamos ainda que os vídeos gravados pela pascom não foram de má fé e sim gravados rotineiramente para nossa página. A pascom agradece a compreensão de todos”, disse. Jair Sampaio